Blog do Pr. Meirinho


08/02/2015


Pensando Nas Coisas de Cima

CONQUISTE A PAZ 

 

“Porque ele é a nossa paz, o qual de ambos fez um; e tendo derrubado a parede da separação que estava no meio, a inimizade, aboliu na sua carne a lei dos mandamentos na forma de ordenanças, para que dos dois criasse em si mesmo um novo homem, fazendo a paz, e reconciliasse ambos em um só corpo com Deus, por intermédio da cruz, destruindo por ela a inimizade. E, Vindo, evangelizou paz a vós outros que estáveis longe, e paz também aos que estavam perto; porque, por ele, ambos temos acesso ao Pai em um Espírito”. (Efésios 2. 14-18)

 

1.    ELE É A NOSSA PAZ

a)    Cristo é a fonte, o caminho da paz. “...o seu nome será: Maravilhoso, Conselheiro, Deus forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz”. (Is 9. 6)

b)   Quando o encontramos, seu desejo maior é que tenhamos paz: “...mulher a tua fé te salvou; vai-te em paz...(Lc 7. 50)

c)    Busque o reino de Deus, onde reina a paz: (Mt 6. 33)

d)   Ele é a nossa paz:

·      nos momentos difíceis da caminhada;

·      quando tudo parece incerto e conflituoso;

·      quando o mar se torna revolto e a esperança fenece;

·      quando a realidade  nos confronta – Ele deseja ser a nossa paz. 

 

2.    CRIASSE EM SI MESMO UM NOVO HOMEM, FAZENO A PAZ

a)    O novo homem criado por Deus, tinha como objetivo viabilizar a paz.

b)   Um novo homem sem paz é uma farsa, assim como cristãos sem Cristo, e religião sem Deus e gente sem um bom caráter.

c)    O novo homem tem a tarefa suprema de realizar tudo com base na paz: (Rm 14. 16-19) temos:

·      o Reino de Deus caracterizado pela paz;

·      os que serve a Cristo dentro desse princípio, agrada a Deus e tem aprovação dos homens.

·      Assim pois seguimos as coisas da paz e também da edificação de uns para com os outros”. (Rm 14. 19)

·      Na condição de novo homem  “temos paz”e nos tornamos agentes da paz.

·      O novo homem criado segundo o coração de Deus tem a mente renovada,  o espírito aberto para o processo de pacificação.

 

3.    PAZ PARA OS QUE ESTÃO LONGE E PARA OS QUE ESTÃO PERTOS

a)    A paz de Deus deseja atingir a todos, não importando a distância geográfica ou social.

b)   A transmissão de consolo e paz tinha prioridade na vida igreja primitiva. Os mesmos devem caracterizar a vida da igreja atual. (At 15. 33)

c)    Paulo um ser aberto para  a recepção humana: “...ninguém, pois o despreze. – referindo-se a Timóteo – Mas, encaminhai-o em paz, para que venha ter comigo, visto que o espero com os irmãos”. (1 Co 16. 11)

 

4.    PAZ

a)    Devemos lutar pela paz social e reconhecer os que lutam pela liberdade, tendo por base a paz, a exemplo de Mandela, que considerava tanto o oprimido, quanto o opressor a necessidade de liberdade.

b)   Devemos reconhecer, que a confusão e os litígios procedem do mal, mas, o nosso Deus é de paz. “Porque Deus não é de confusão; e sim, de paz...(1 Co 14. 33)

·      A guerra - no lar, na igreja, na sociedade tem procedência maligna.

·      O ódio, a frieza emocional, a indiferença formam um ambiente hostil para o estabelecimento da paz.

c)    O evangelho está incorporado e comprometido com a paz:

·      Receber o evangelho e não migrar para a paz, é como alguém que comprou um bilhete, mas perdeu o vôo.

·      Pedro reconhece a universalidade do amor de Deus e diz aos gentios na casa de Cornélio: “Esta é a palavra que Deus enviou aos  filhos de Israel, anunciando-lhes o evangelho da paz, por meio de Jesus Cristo. Este é o Senhor de todos”. (At 10. 36)

 

 

Conquiste a paz que Deus oferece!

 

Não importa a distância que você está em relação à paz de Deus. O evangelho da paz veio ao encontro da humanidade para proporcionar uma nova experiência de vida.

 

Normalmente, quando entramos na reta final do ano, e começa a despontar um novo ano, fazemos muitos propósitos e planejamentos, mas, não raras vezes, esquecemos de incluir o elemento paz, essencial para uma vida de segurança, justiça e amor.

 

Lembre-se! Por mais estável que seja nossa vida social, financeira, física, se não estivermos profundamente relacionados com a tríplice paz, continuaremos derrotados.

 

A tríplice paz, essencial à vida, consiste em ter – Paz com Deus; Paz interior, Paz com todos.

 

Tenha Paz!

 

Francisco Meirinho

http://Twitter.com/fmeirinho

www.prmeirinho.zip.net

http://fmeirinho.wordpress.com

 

 

 


Escrito por Francisco Meirinho às 14h14
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]
 

Perfil

Meu perfil
Estados Unidos, CT, Bridgeport, Homem, Portuguese, English, Livros, Esportes
MSN -

Histórico